Câncer de Colo Uterino

22/02/2019
Dra. Joelma K. Sebastiany - Ginecologista
  • CÂNCER DO COLO UTERINO
    Dra. Joelma K. Sebastiany CRM/SC 25452 RQE 15745
    Eccofemme Ultrassonografia da Mulher
    O câncer de colo uterino é o 4º tipo mais frequente de câncer na mulher brasileira. Em geral acomete mulheres jovens, entre 20 e 50 anos, na fase mais produtiva da vida. O câncer de colo está diretamente relacionado com início da atividade sexual em idade precoce, multiplicidade de parceiros e história de doenças sexualmente transmissíveis, principalmente infecções pelo HPV e Herpes vírus. Outros fatores de risco incluem o hábito de fumar, carências nutricionais, multiparidade, higiene genital deficiente, imunodepressão e imunossupressão. É uma doença progressiva, iniciando com transformações celulares mínimas e que podem evoluir para câncer invasor, sendo que quanto mais precoce forem identificadas, pode se conseguir cura completa. O tratamento geralmente é feito com cirurgia e radioterapia. As ações clínicas de prevenção e controle do câncer do colo uterino visam evitar ou remover os fatores de risco, além de diagnóstico precoce através de rastreamento clínico das lesões precoces, sejam pré-malignas ou malignas. Por isso o grande valor do exame preventivo (citopatológico Papanicolau). Todas as mulheres sexualmente ativas devem fazer o exame do colo uterino anualmente. As mulheres virgens devem iniciar o exame a partir dos 25 anos. As mulheres que sofreram histerectomia total por doença do colo uterino devem ser submetidas ao exame preventivo das células colhidas do fundo vaginal. Todas mulheres devem fazer revisão ginecológica anual para realização do exame preventivo de câncer do colo uterino. Desta ação tão simples pode depender sua saúde e sua vida.

Compartilhe: